52 anos. Casado, com filhos. Atualmente moro no bairro Cidade Continental, na Serra, e trabalho na Praia do Suá, em Vitória. Nasci em G...

J.S.A.

5/23/2014 , , 0 Comentários


52 anos.
Casado, com filhos.


Atualmente moro no bairro Cidade Continental, na Serra, e trabalho na Praia do Suá, em Vitória. Nasci em Goiabeiras. Gosto de trabalhar em Vitória. É perto de minha residência, já conheço Vitória desde criança, fui nascido e criado aqui. O que eu acho mais bonito em Vitória são as praias. Hoje eu frequento muito a praia de Carapebus, mas quando eu morava em Vitória eu frequentava Camburi. Meu pai trabalhava em Camburi, foi um dos primeiros comerciantes da Praia do Canto, chamava-se Sizino, trabalhou com peixes e mariscos – moqueca capixaba. Não frequento o Centro da cidade; raramente vou lá, só quando preciso ir lá. Passei minha vida toda aqui em Vitória, mas atualmente não tenho vindo muito a Vitória pra passear. Da paisagem de Vitória eu gosto do Convento da Penha, do porto de Tubarão, acho bonito o porto de Tubarão. O porto de Vitória também. Agora não caminho mais aqui por Vitória porque estou morando lá pro lado da Serra, mas quando eu morava aqui, eu era criança, trabalhava com meu pai ali na Praia do Canto, ele tinha um restaurante ali, eu costumava caminhar por Camburi. Eu pescava com meu pai na Praia do Canto, ali perto do nosso restaurante, na rua Joaquim Lírio, perto do canal de Camburi. Nessa época eu ia ao Centro, fazer compras nas Lojas Americanas, ia ao cinema, Cine Paz, Odeon, Vitorinha, essas coisas. Hoje é difícil eu encontrar amigos e conhecidos quando eu estou em Vitória. Todo mundo é estranho. Às vezes eu participo de festas populares, mas é raro. Já participei umas três vezes da festa de São Pedro aqui na Praia do Suá. Da procissão marítima de São Pedro já participei com meu pai, também, mas agora ele já faleceu, e tudo. Mas quando eu morava aqui em Vitória eu participava mais de festas juninas ali no Colégio Irmã Maria Horta, era tradição, ali na Praia do Canto. Eu estudava ali nesse colégio.  Acho que os idosos e as crianças têm um bom tratamento aqui em Vitória. E a segurança melhorou, agora, bastante. O policiamento está na rua. Antes ficava só em viatura, agora está na rua, melhorou mais. Eu uso o Transcol pra vir pra Vitória. Agora botaram mais 500 novos ônibus aí, já estão circulando, aqueles azuis e brancos, o transporte urbano melhorou. O fluxo tem problema em horários de pico, lá perto do terminal de Carapina tem aquelas empresas lá, todo mundo sai no mesmo horário, aí fica difícil. A poluição sonora são esses carros com alto-faltante que andam por aí. Eles só param em praia, mesmo, porque é proibido na via pública.


---------
© 2014 Texto com direitos autorais em vigor. A utilização / divulgação sem prévia autorização dos detentores configura violação à lei de direitos autorais e desrespeito aos serviços de preparação para publicação.
---------

Estação Capixaba

Estação Capixaba é o site voltado para a cultura, história e geografia do Espírito Santo e que busca resgatar, produzir, sistematizar, preservar e divulgar informações nessas áreas, sejam elas de autores locais ou não.

0 comentários :