Impli cante a fome se multiplica poli política. (Potencial que se complica neste maximundo e  em que diversigra...

Cinco demagogias: a respeito de um único nome


Impli
cante
a fome
se multiplica
poli
política.

(Potencial
que se complica
neste
maximundo
em que
diversigrau!)

A fome
— dizia,
com
certa azia — 

é balofa, centrífuga,
centopéica,
colossal.

As suas vítimas:
raquíticas.

2

Fome é sujeito
na voz ativa.

Nós
seus passivos
objetos
de carne viva.

Fome
tanto
tem jeito
de pretérito
im
perfeito
quanto
versátil
dá na vista
de ser
futurista.

3

Fome 0:

mero
símbolo vazio
dos que tratam
com
conta-gotas
a cheia
de um
rio.

4

A cada
um
dos seus diletos
em todos
os dialetos
+ ou -
dialeticamente
ela diz:

"Devora-me
ou
eu te deleto,
ó
meu
malformado
infeliz!"

5

Epitáfio, então?
Não! (Não
ainda.)

A vida viceja
[sic],
sim, vejo,
no atacado
e
no variado
varejo.

A vida siga.
Seja.

(Horrenda
(d)e tão
linda.)


[publicado originalmente no site em 2004]

Lino Machado é poeta e professor universitário. (Para obter mais informações sobre o autor e outros textos de sua autoria publicados neste site, clique aqui)

Estação Capixaba

Estação Capixaba é o site voltado para a cultura, história e geografia do Espírito Santo e que busca resgatar, produzir, sistematizar, preservar e divulgar informações nessas áreas, sejam elas de autores locais ou não.

0 comentários :